RSS Feed
Oct 2

Fazendo um glossário com o Evernote

Posted on Wednesday, October 2, 2013 by Roney Belhassof in Dicas

O Evernote é uma dessas ferramentas que, mesmo na versão gratuita, já oferecem tantas possibilidades que muitos optam por não pagar pela versão completa que oferece somente mais espaço de armazenamento.

É tanta flexibilidade que conheço um monte de gente que não usa porque se perde.

Resolvi então fazer duas coisas:

  1. Dizer o que é o Evernote
  2. Falar em apenas um jeito de usá-lo dessa vez: fazer um glossário.

O que é o Evernote?

Imagine uma estante onde você guarda vários blocos de anotações, ok? Imaginou? Isso é o Evernote. Simplesmente isso.

Você pode criar cadernos dentro dele e ir adicionando páginas nesses cadernos que podem conter textos, imagens e sons.

É claro que ele está livre das limitações das coisas físicas então você pode olhar seus cadernos e anotações de qualquer dispositivo como celulares e tablets até seu computador Mac, Windows ou seu navegador Web.

Coisas como buscar uma palavra em suas anotações, naturalmente, é trivial.

Fazendo um Glossário com o Evernote

Para muitos tradutores glossário é vida, né? Por isso decidi falar em como fazer um belo glossário usando-o.

As vantagens são:

  • Seu glossário fica guardado também na nuvem
  • Você guarda as referências de onde vieram as definições
  • É fácil buscar palavras nele
  • Você pode compartilhar com amigos se quiser
  • Tenho certeza que você descobrirá outras vantagens.

Vamos lá então, certo?

Você vai precisar de:

  • Um computador com o Evernote instalado (link no final do post)
  • Um navegador com a extensão do Evernote instalada (Firefox, Safari, Chrome estão ótimos)
  • Só isso.

Em seu Evernote (via Web ou aplicativo) crie um caderno “Glossário”.

Vá trabalhar, ok?

Quando encontrar uma palavra que você acha que vale a pena colocar em seu glossário você pode fazer duas coisas:

  1. Procurar usos dela online
  2. Registrar seu próprio uso

No segundo caso você pode criar uma nota diretamente no Evernote colocando como título a palavra e no conteúdo as definições e usos copiados e colados do texto em que você está trabalhando.

No primeiro caso você pode selecionar o uso que achou e clicar na extensão do seu navegador para criar uma nova nota no seu cadernos glossário automaticamente.

Se você achar mais de uma página com usos interessantes da palavra ou expressão o ideal é copiar e colar na nota criada primeiro.

Fica mais ou menos assim:

Tela do Evernote

Um exemplo de glossário usando o Evernote

Na tela acima eu selecionei a definição de Avonda! do Aulete no meu navegador e deixei a extensão fazer o trabalho de copiá-la para o meu glossário. O link para o Aulete eu coloquei manualmente assim como a sugestão em seguida para usar a palavra sempre com a exclamação.

O passo seguinte seria copiar para a nota o trecho de Paraíso Perdido onde a palavra é usada e talvez acrescentar que deve ser usada em contextos de época.

À esquerda vê-se a outra palavra que criei em meu glossário: apedeuta.

Acima da nota você encontrará dois balões azuis com as expressões “arcaico” e “paraíso perdido”. São palavras chave que eu inseri para ficar mais fácil localizar a palavra. Podem não ter sido opções muito boas, mas espero que sirvam para passar a ideia. Poderiam ser, por exemplo, “química orgânica” ou “Falso cognato”. Sei que vocês pensarão em coisas melhores.

O Evernote permite criar links para que outras pessoas vejam seus cadernos. No caso de um glossário pessoal isso provavelmente não é uma boa ideia, mas você pode precisar coordenar uma equipe de pessoas que traduzem um determinado tipo de texto técnico, por exemplo.

O meu objetivo nesse post é dar uma ideia sem complicar demais nas explicações para que ninguém tenha medo de tentar.

Se alguém resolver desenvolver a ideia na prática e compartilhar fique a vontade para usar os comentários ou nos indique o link do seu artigo sobre a experiência. Teremos prazer em acrescentá-lo aqui!

Para baixar:

Google+